Google+ Followers

28 setembro, 2017

Paulo: o fazedor de tendas

PAULO: O FAZEDOR DE TENDAS
*Pouco depois de sua conversão, Paulo foi para a Arábia (onde ficou 3 anos).
*Quando voltou, não obteve sucesso em Jerusalém, e foi rejeitado.
*Teve que se retirar, e foi para Tarso (onde permaneceu 14 anos no anonimato).
*Ao invés de pregar, seu trabalho principal era fazer tendas.
*Só após 17 anos de deserto é que Barnabé o levou para Antioquia,
onde serviram por 1 ano (já se somam agora 18 anos).
*Fez sua primeira viagem missionária sob a liderança de Barnabé (2 anos; total: 20 anos).
*Quando voltou, teve que lidar com a oposição dos judaizantes;
*Mas Deus disse que ele deveria continuar estendendo a tenda caída de Davi (At 15:1-19),
Uma tenda para todos os povos (Is 56:7).

*Quando se converteu, Paulo não mudou de personalidade,
só mudou de direção: continuou sendo extremista, mas agora estava do lado certo.
*Paulo não mudou de ofício, só mudou o caráter do seu ofício.
*Davi passou alguns anos no anonimato pastoreando ovelhas,
para depois pastorear a nação de Israel;
*Paulo passou 17 anos no anonimato construindo tendas, e mais 3 sendo preparado,
para só então levantar a tenda caída de Davi ao redor do mundo gentílico em suas próprias viagens missionárias.
*Deus transforma sem falsificar. Transformação não é mutação.
*Valorize o deserto. Deus está nele com você. Tudo vai fazer sentido depois.

Autor: seu irmão em Cristo, Éder Carvalho.
www.edercarvalho.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário